Terça, 17 de Outubro de 2017
políca
Lula diz que está “lascado” com processos e quer pedido de desculpa de Moro
Imagem: Ricardo Stuckert
Publicado em 10/10/2017

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva defendeu na noite desta segunda-feira (10), em discurso inflamado, que está “lascado” com a quantidade de processos que são abertos contra ele a cada dia e disse não querer absolvição, mas um pedido de desculpas do juiz federal Sérgio Moro.

“Eu sei que eu tô lascado, todo dia tem um processo. Eu não quero nem que o Moro me absolva, eu só quero que ele peça desculpa. Eles estão mexendo com uma pessoa que tem como legado respeitar as pessoas, eu sempre respeitei os de baixo e os de cima”, declarou, acrescentando que não tem medo.

“Agora, não tenho medo, e não posso aceitar as mentiras que a Polícia Federal contou a meu respeito, não posso aceitar as mentiras que o Ministério Público contou e não posso aceitar o juiz Moro ter aceito as mentiras e ter feito o julgamento que fez”.
Além da ação referente ao tríplex do Guarujá, pela qual ele foi condenado a nove anos de prisão, Lula é réu em outros seis processos. As falas de Lula aconteceram durante o Seminário da Educação Pública, organizado pela Fundação Perseu Abramo, ligada ao PT. Lula voltou a defender que as ordens judiciais tem como objetivo impedir sua candidatura à Presidência da República em 2018.
“O objetivo é não deixar o Lula ser candidato? Eu não acho que o Brasil deveria sofrer por conta disso, eu não acho que eles deveriam levar 210 milhões de pessoas a sofrer, a voltar o desemprego só para prejudicar o Lula. Eles acham, e estão fazendo todo santo dia com a certeza de que nós vamos desistir da disputa”, argumentou.

Lula apontou também que o problema “deles” é o desenvolvimento de uma consciência política da população e desafiou seus opositores no que diz respeito a sua força política como cabo eleitoral. “O problema deles não é o Lula, porque o Lula é feito de carne e osso e desaparece a qualquer momento.

O problema deles é que neste país tem milhões e milhões de jovens, de adultos, de velhos como eu, de crianças que já aprenderam a ter consciência política. Então, se eles acham que me tirando da disputa está resolvido o problema deles, façam, e vamos ver o que acontece neste país. Eles chegam a dizer: ah, se o Lula não for candidato, ele não vai ter força como cabo eleitoral. Testem.”



  

Por: Redação
Comentários
veja também
Rede News Online 2011 - 2017 © Todos os direitos reservados - 27 usuários online - Páginas visitadas hoje: 15779